segunda-feira, 31 de maio de 2010

Contra o Duque: duas partidas, duas derrotas


Nas duas vezes que o América de Natal enfrentou o Duque de Caxias saiu derrotado. No ano passado pela 6ª rodada, no Rio de Janeiro goleada de 1 a 4. Na partida de volta, pela 25ª rodada, o Alvirrubro voltou a ser derrotado. Desta feita por 0 a 1. Veja mais do confronto:

13/06/2009: Duque de Caxias 4x1 América

Gols: Edivaldo (4) para o Duque de Caxias; Fábio Neves para o América
Árbitro: Antônio Rogério Batista do Prado (SP)
Renda: R$ 750,00
Público: 106
Local: Estádio Giulite Coutinho (Mesquita-Rio de Janeiro)

OBS: O América fez 1 a 0.

19/09/2009: América 0x1 Duque de Caxias

Gol: Tôni (de pênalti aos 29/2º)
Árbitro: Renato Cardoso da Conceição (MG)
Renda: R$ 30.965,00
Público: 2.907
Local: Estádio Machadão (Natal)

OBS: Com esse resultado, o técnico Roberto Fonseca foi demitido. Artur Neto foi contratado.

sexta-feira, 28 de maio de 2010

Confrontos de Náutico x América pela Série B


Náutico e América disputam desde a década de 1990 um duelo de gigantes em busca da Primeira Divisão do Futebol Brasileiro. O confronto desta sexta-feira será o 15º da história dos dois clubes valendo a Série B. Qual o torcedor pernambucano que não se lembra dos 4 a 1 do Timbu no Quadrangular Final de 1996? Ou qual torcedor potiguar que não se lembra do golaço de Zé Ivaldo no 1 a 0 do mesmo Quadrangular de 1996, quando o Dragão subiu para a Série A? Esse é mais um clássico nordestino que empolga a competição. Das oito partidas em Recife, o Náutico venceu sete. O melhor resultado do América na Veneza brasileira é o empate de 1 a 1 em 2003. Veja todos os resultados válidos pela Série B:

07/09/1995: Náutico 3x2 América

Gols: Marcelo (2) e Mael para o Náutico; Biro-Biro e Gito para o América
Árbitro: Manuel Francisco Cavalcante (AL)
Renda: R$ 12.035,00
Público: 1.951
Local: Estádio Aflitos (Recife)

10/09/1995: América 0x0 Náutico

Gols: não houve
Árbitro: Marco Antônio Colares Brasil (CE)
Renda: R$ 9.866,00
Público: 1.410
Local: Estádio Machadão (Natal)

18/08/1996: América 1x1 Náutico

Gols: Wanderley para o América; João Marcelo para o Náutico
Árbitro: Genival Batista Lima Júnior (PB)
Renda: R$ 15.689,00
Público: 1.982
Local: Estádio Machadão (Natal)

12/10/1996: Náutico 2x0 América

Gols: Leandro e Róbson
Árbitro: Eduardo Menezes (PB)
Renda: R$ 9.640,00
Público: 2.378
Local: Estádio Aflitos (Recife)

24/11/1996: América 1x0 Náutico

Gols: Zé Ivaldo (38-2º)
Árbitro: Luciano Augusto Teotônio de Almeida (DF)
Renda: R$ 74.553,00
Público: 9.937
Local: Estádio Machadão (Natal)

01/12/1996: Náutico 4x1 América

Gols: Alex Olinda (2), Demétrius e Róbson para o Náutico; Zé Ivaldo para o América
Árbitro: João Paulo Araújo (SP)
Renda: R$ 38.825,00
Público: 5.008
Local: Estádio Aflitos (Recife)

13/08/2000: Náutico 2x1 América

Gols: Alex Olinda (2) para o Náutico; Gustavo para o América
Árbitro: Fernando Rogério de Oliveira Assunção (AL)
Renda: R$ não divulgada
Público: 7.790
Local: Estádio Aflitos (Recife)

30/09/2001: América 1x0 Náutico

Gol: Claudinho
Árbitro: Marco Antônio da Silva Sampaio (CE)
Renda: R$ 34.280,00
Público: 4.837
Local: Estádio Machadão (Natal)

24/11/2001: Náutico 3x2 América

Gols: Carlinhos Silva (2) e Kuki para o Náutico; Ricardo Miranda e Márcio Silva para o América
Árbitro: Alício Pena Júnior (MG)
Renda: R$ 85.788,00
Público: 13.092
Local: Estádio Aflitos (Recife)

12/10/2002: América 2x3 Náutico

Gols: André Leonel (2) para o América; Dauri, Celinho e Mabília para o Náutico
Árbitro: Jorge Luís da Silva (AL)
Renda: R$ 30.129,50
Público: 6.307
Local: Estádio Machadão (Natal)

23/08/2003: Náutico 1x1 América

Gols: Cláudio para o Náutico; Márcio Silva para o América
Árbitro: Domingos de Jesus Viana Filho (MA)
Renda: R$ 40.302,00
Público: 6.420
Local: Estádio Aflitos (Recife)

29/06/2004: Náutico 2x1 América

Gols: Marco Antônio e Gil Baiano para o Náutico; Barata Paraibano para o América
Árbitro: Samir Yarak (RJ)
Renda: R$ 44.165,00
Público: 8.362
Local: Estádio Aflitos (Recife)

11/07/2006: Náutico 1x0 América

Gols: Netinho
Árbitro: Hércules Martins da Silva (AL)
Renda: R$ 42.605,00
Público: 5.258
Local: Estádio Aflitos (Recife)

14/10/2006: América 3x1 Náutico

Gols: Souza, Paulo Isidoro e Leandro Sena para o América; Fábio Silva para o Náutico
Árbitro: Wladyérrison Silva Oliveira (CE)
Renda: R$ 179.870,00
Público: 14.248
Local: Estádio Machadão (Natal)

Resumo

Total de jogos: 14
Vitórias do Náutico: 08
Vitórias do América: 03
Empates: 03
Gols do Náutico: 23
Gols do América: 16
Saldo pro Náutico: 07

Artilheiros do Náutico

04 gols: Alex Olinda
02 gols: Marcelo
02 gols: Róbson
02 gols: Carlinhos Silva
01 gol: Mael
01 gol: João Marcelo
01 gol: Leandro
01 gol: Demétrius
01 gol: Kuki
01 gol: Dauri
01 gol: Celinho
01 gol: Mabília
01 gol: Cláudio
01 gol: Marco Antônio
01 gol: Gil Baiano
01 gol: Netinho
01 gol: Fábio Silva

Artilheiros do América

02 gols: Zé Ivaldo
02 gols: Márcio Silva
02 gols: André Leonel
01 gol: Biro-Biro
01 gol: Gito
01 gol: Wanderley
01 gol: Gustavo
01 gol: Claudinho
01 gol: Ricardo Miranda
01 gol: Barata Paraibano
01 gol: Souza
01 gol: Paulo Isidoro
01 gol: Leandro Sena

Público em Recife

Total: 50.259
Jogos: 08
Média: 6.282

quinta-feira, 27 de maio de 2010

Veja como foi Náutico x América em 2006

Na última vez que o América jogou contra o Náutico em Recife, pela Série B foi em 2006. O Dragão perdeu de 0 a 1. Veja a matéria do Diário de Natal:
Clique na imagem para aumentar

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Os números do América na Série B 2010


Depois de perder de 0 a 2 para o América Mineiro pela 4ª rodada da Série B, o América de Natal apresenta os seguintes números na competição:

O time potiguar é o 17º colocado com 02 pontos ganhos.

Já usou 22 jogadores.

Marcou cinco gols e sofreu oito.

O saldo é negativo de três tentos.

O seu artilheiro é Eraldo com 03 gols em um jogo.

Levou 11 cartões amarelos e três vermelhos.

Seu público total como mandante é de apenas 5.873 pagantes.

Sua média é de 2.936 pagantes por jogo.

Sofreu quatro gols de cabeça, um de pênalti, dois de fora da área e um de dentro da área.

Fez um gol de pênalti, um de fora da área e três de dentro da grande área.

segunda-feira, 24 de maio de 2010

O América nunca perdeu para os mineiros


Em toda a história da Série B, o América de Natal nunca perdeu para o homônimo mineiro. São quatro partidas, duas em Natal e duas em Belo Horizonte. O time potiguar venceu uma e empatou as demais. Veja os resultados:

02/09/1999: América 1x0 América-MG

Gol: Gito
Árbitro: Valdomiro Matias da Silva Filho (PE)
Renda: R$ 10.891,50
Público: 3.184
Local: Estádio Machadão (Natal)

30/08/2002: América-MG 2x2 América

Gols: Adriano e Leandro para o América-MG; Márcio Silva e André Leonel para o América
Árbitro: Ubiraci Damásio de Oliveira (RJ)
Renda: R$ não disponível
Público: 1.435
Local: Estádio Independência (Belo Horizonte)

25/04/2003: América 2x2 América-MG

Gols: Sandro Gaúcho e Edinho para o América; Marciano e Alessandro para o América-MG
Árbitro: Rogério Vieira de Oliveira (PE)
Renda: R$ 34.140,00
Público: 4.542
Local: Estádio Machadão (Natal)

20/07/2004: América-MG 2x2 América

Gols: Fahel e Reinaldo para o América-MG; Marcelo Rosa e Alex Olinda para o América
Árbitro: Carlos Wladimyr dos Santos (RJ)
Renda: R$ 3.869,00
Público: 511
Local: Estádio Independência (Belo Horizonte)

Resumo

Total de jogos: 04
Vitórias o América: 01
Vitórias do América-MG: 00
Empates: 03
Gols do América: 07
Gols do América-MG: 06
Saldo pro América: 01

Artilheiros do América

01 gol: Gito
01 gol: Márcio Silva
01 gol: André Leonel
01 gol: Sandro Gaúcho
01 gol: Edinho
01 gol: Marcelo Rosa
01 gol: Alex Olinda

Artilheiros do América-MG

01 gol: Adriano
01 gol: Leandro
01 gol: Marciano
01 gol: Alessandro
01 gol: Fahel
01 gol: Reinaldo

Público em Natal

Total: 7.726
Jogos: 02
Média: 3.863

OBS: Esses dados se referem apenas aos jogos pela Série B.

Os Números do América na Série B 2010


Icasa e América empataram por 2 a 2 pela 3ª rodada da Série B. Foi o segundo ponto do América na competição. Eliélton e Ronny marcaram os gols do empate. Veja mais:

O time potiguar é o 15º colocado com 02 pontos ganhos.

Já usou 22 jogadores.

Marcou cinco gols e sofreu seis.

Tem o artilheiro da competição. Eraldo com 03 gols.

Levou nove cartões amarelos e três vermelhos.

Tem média de 3.930 pagantes por jogo.

Sofreu três gols de cabeça, um de pênalti, um de fora da área e um de dentro da área.

Fez um gol de pênalti, um de fora da área e três de dentro da área.

sexta-feira, 21 de maio de 2010

O América enfrenta o Icasa depois de 17 anos


Em 1993, o América enfrentou o Icasa pelo Torneio Seletivo para a Série B de 1994. No primeiro, disputado em Natal, o América venceu de 2 a 0. Na partida de volta, no Romeirão, houve empate de 2 a 2. Nesse Torneio participaram além de América e Icasa, ABC, Coríntians de Caicó e Ferroviário de Fortaleza. O Dragão foi o campeão dessa Seletiva. Veja mais:

24/10/1993: América 2x0 Icasa

Gols: Índio (2)
Árbitro: Edinaldo Silva Almeida (PB)
Renda: CR$ 291.300,00 ou seja 105 reais e 93 centavos
Público: 1.064
Local: Estádio Machadão (Natal)

Formação do América: Eugênio; Tiê, Erivonaldo, Gito e Mingo; Carlos Mota, Lico, Biro-Biro e Sinha (Erijânio); Bebeto e Índio (Boiadeiro). Técnico: Baltazar Germano.

28/11/1993: Icasa 2x2 América

Gols: João Neto e Zim para o Icasa; Baíca (2) para o América
Árbitro: José Crizaldo da Silva França (PB)
Renda: CR$ 260.550,00 ou seja 94 reais e 74 centavos
Público: 1.017
Local: Estádio Romeirão (Juazeiro do Norte)

Formação do América: Eugênio; Tiê, Erivonaldo, Gito e Joelson; Carlos Mota, Lico, Biro-Biro (Erijânio); Baíca, Bebeto (Marcondes) e Índio. Técnico: Baltazar Germano.

Marcondes era um dos principais jogadores

Com apenas 20 anos de idade, Marcondes ao lado de Sinha e Bebeto vindos de Itajá era uma das principais promessas do Futebol Potiguar. Saiba mais do meia habilidoso que veio da Desportiva de Ipanguaçu:

Nome: Carlos Marcondes Matias Lopes
Idade hoje: 37 anos
Clubes: Desportiva e América
Na política: está no segundo mandato de Vereador na cidade de Itajá. Em 2004 se elegei Vereador com 486 votos sendo o segundo mais votado. Em 2008 obteve 449 votos, sendo novamente o segundo mais votado.

Família no futebol

Gílson Lopes (tio, irmão da mãe dele)
Zé Ivaldo (primo)
Sinha (primo)
Netinho (primo)
Souza (primo)
Bebeto (primo)

OBS: Gílson Lopes fez sucesso na década de 80 defendendo o Alecrim e o América. Foi artilheiro da Taça Cidade do Natal de 1982 pelo Alecrim com 07 gols.

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Série B tem a pior média dos últimos anos


O Campeonato Brasileiro da Série B deste ano começa com a média mais baixa dos últimos sete anos. Nas duas primeiras rodadas apenas 62.843 torcedores pagaram ingresso para assistir aos 20 jogos. A média é considerada muito baixa. Apenas 3.142 torcedores em cada partida. Veja a média de cada ano desde 2004:

2004: 6.731 pagantes
2005: 7.823 pagantes
2006: 7.958 pagantes
2007: 7.219 pagantes
2008: 6.291 pagantes
2009: 6.621 pagantes
2010: 3.142 pagantes

segunda-feira, 17 de maio de 2010

BLOG ANTECIPOU GRUPOS DA SÉRIE C

Já viram a Tabela da Série C? Os grupos também?

Tudo do jeito que divulguei em 29 de novembro do ano passado.

Grupos e Tabela da Série C estão definidos


A tabela, os grupos e o regulamento da Série C 2010 já estão prontos. Hoje ou manhã, a CBF divulgará. Existe uma expectativa muito grande por parte de ABC e Alecrim que são os representantes do Rio Grande do Norte e que devem ficar no Grupo B junto com Salgueiro de Pernambuco, Campinense e CRB. Pelo que apuramos, os grupos devem ser compostos da seguinte maneira:

Grupo A

Rio Branco (AC)
Paysandu (PA)
São Raimundo (PA)
Águia Marabá (PA)
Fortaleza (CE)

Grupo B

ABC (RN)
Alecrim (RN)
Salgueiro (PE)
CRB (AL)
Campinense (PB)

Grupo C

Ituiutaba (MG)
Marília (SP)
Macaé (RJ)
Luverdense (MT)
Gama (DF)

Grupo D

Caxias (RS)
Brasil de Pelotas (RS)
Juventude (RS)
Criciúma (SC)
Chapecoense (SC)

domingo, 16 de maio de 2010

Os Números do América na Série B 2010


América e São Caetano empataram por 3 a 3 no fechamento da 2ª rodada da Série B. Foi o primeiro ponto do América na competição. Eraldo marcou os três gols do empate. A renda somou R$ 58.550,00 e público 3.930 torcedores. Veja mais:

Números do Alvirrubro

O time potiguar é o 13º colocado.

Já usou 18 jogadores.

Marcou três gols e sofreu quatro.

Tem o artilheiro da competição. Eraldo com 03 gols.

Levou cinco cartões amarelos e dois vermelhos.

Tem média de 3.930 pagantes por jogo.

Sofreu dois gols de cabeça e um de pênalti.

Fez um gol de pênalti.

sábado, 15 de maio de 2010

Dados de América x São Caetano na Série B

Última vitória foi no ano passado

Em toda a história do confronto, o América nunca perdeu para o São Caetano. O clube potiguar já enfrentou o Azulão cinco vezes, ambas pela Série B. Venceu três jogos e empatou dois. Foram três partidas em Natal e duas no ABC Paulista. Em Natal, o Alvirrubro só venceu um jogo. Nas três partidas realizadas no Machadão, a média de público é de 3.237 pagantes por jogo. Veja os resultados:

19/09/1999: América 2x0 São Caetano

Gols: Rogério Martins e Gito
Árbitro: Léo Feldman (RJ)
Renda: R$ não disponível
Público: 3.398
Local: Estádio Machadão (Natal)

08/08/2008: América 1x1 São Caetano

Gols: Cascata para o América; Luan para o São Caetano
Árbitro: Wladyerisson Silva Oliveira (CE)
Renda: R$ 43.690,00
Público: 3.527
Local: Machadão (Natal)

14/11/2008: São Caetano 1x2 América

Gols: Ademir Sopa para o São Caetano; Marcelo Nicácio e Fábio Neves para o América
Árbitro: Arnoldo Vasconcelos Figarela (RO)
Renda: R$ 2.405,00
Público: 438
Local: Anacleto Campanela (São Caetano do Sul)

30/05/2009: São Caetano 0x1 América

Gol: Helinho
Árbitro: Wagner Reway (MT)
Renda: R$ 4.163,00
Público: 847
Local: Estádio Anacleto Campanela (São Caetano do Sul)

12/09/2009: América 0x0 São Caetano

Gols: não houve
Árbitro: José Renato Albuquerque Soares (PB)
Renda: R$ 28.550,00
Público: 2.786
Local: Estádio Machadão (Natal)

Resumo de jogos

Total de jogos: 05
Vitórias do América: 03
Vitórias do São Caetano: 00
Empates: 02
Gols do América: 06
Gols do São Caetano: 02
Saldo pro América: 04

Artilheiros do América

01 gol: Rogério Martins
01 gol: Gito
01 gol: Cascata
01 gol: Marcelo Nicácio
01 gol: Fábio Neves
01 gol: Helinho

Artilheiros do São Caetano

01 gol: Luan
01 gol: Ademir Sopa

Resumo de renda e público

Total de renda: R$ 78.808,00
Jogos computados: 04
Média por jogo: R$ 19.702,00

Total de público: 10.996
Jogos computados: 05
Média por jogo: 2.199

sexta-feira, 14 de maio de 2010

Sou contra a demolição do Estádio Machadão

O Machadão deve ser melhor cuidado

Estou acompanhando atentamente a Campanha que o deputado pedroavilinense José Adécio vem fazendo em prol do Machadão. O deputado pelo Rio Grande do Norte é contra a demolição do Estádio localizado no Bairro Lagoa Nova, em Natal.

Acho interessante, desde a sua inauguração em 1972, o poder público nunca cuidou bem desse estádio que se diz de barata manutenção. Mas, vai cuidar do Arena das Dunas? Nunca! Primeiro, eu não acredito nessa construção. Segundo, quando um grupo estava terminando a construção de um shopping nas imediações da Av. Bernardo Vieira construiu uma passarela em 20 dias. Nesta mesma avenida, o poder público havia dado início a construção de uma passarela há quase um ano.

Em tempo: a cidade precisa de estádios para as seleções treinarem durante o evento. Ou você pensa que essas seleções vão treinar no Senador João Câmara, Pascoal de Lima, Campo do Jiqui? Em?

quinta-feira, 13 de maio de 2010

Os potiguares estão fora da Copa do Mundo

Sinha começou na Desportiva de Ipanguaçu em 1992

O Rio Grande do Norte está fora da Copa do Mundo da África do Sul. Nenhuma das 32 seleções que vão participar da competição convocou atleta nascido no território potiguar. Veja quais jogadores potiguares disputaram copas:

1954: Dequinha (Mossoró-RN) – integrou o Brasil
1974: Marinho Chagas (Natal-RN) – jogou pelo Brasil
2006: Sinha (Açu-RN) – jogou pelo México

quarta-feira, 12 de maio de 2010

Esclarecimento


Num post anterior informei que o jogador Jéferson do Santa Cruz havia atuado de forma irregular no Estadual deste ano. Na verdade, ele cumpriu a suspensão. Ele levou cartão amarelo na 1ª rodada, na 6ª e na 8ª por tanto por essa seqüência ele não poderia atuar na 9ª rodada. Mas, a seqüencia é por data. Só que, o Santa Cruz jogou a sétima rodada entre a 8ª e a 9ª, então a seqüência é a seguinte:

24/01: Santa Cruz 1x1 Alecrim (1ª rodada) – 1º cartão
13/02: Santa Cruz 4x2 Potyguar (6ª rodada) – 2º cartão
21/02: Potiguar 3x2 Santa Cruz (8ª rodada) – 3º cartão
24/02: Baraúnas 2x0 Santa Cruz (7ª rodada) – cumpriu
28/02: Santa Cruz 2x0 Centenário (9ª rodada) – livre

Nota: De público peço desculpas aos leitores e agradeço ao supervisor do Santa Cruz Potiguar pelo contato e ao mesmo tempo também peço desculpas a ele e ao jogador.

terça-feira, 11 de maio de 2010

América x São Caetano é jogo da Loteca

Clique na imagem para aumentar

Até que em fim! Um time do Rio Grande do Norte vai fazer parte da Loteca, a Loteria Esportiva de Jogos de Futebol no Brasil, este ano.

O jogo entre América x São Caetano, programado para o próximo sábado, às 21h no estádio Machadão será o jogo 6 do concurso 413. Veja a programação nesta imagem.

Os números do América na Série B 2010


Mesmo com a derrota de 1 a 0 para o Bahia, o clube potiguar está fora da zona de rebaixamento.

O América fez apenas um jogo. Perdeu.

Sofreu um gol. De pênalti.

Usou 14 jogadores. Levou quatro cartões amarelos e dois vermelhos.

Os jogadores advertidos

02 cartões: Júlio Terceiro
01 cartão: Douglas
01 cartão: Jáckson

Os jogadores expulsos

Uma vez: Júlio Terceiro
Uma vez: Douglas

sexta-feira, 7 de maio de 2010

A história do América na Série B desde 1972

Time que subiu em 2006

Começa hoje a Série B para o América de Natal. Será a 20ª participação do Alvirrubro Potiguar nesta competição. Dessas 19 participações, o clube potiguar conseguiu dois acessos. Um 1996 e o outro dez anos depois.

A cada ano buscamos a precisão dos dados, assim como a ampliação da história do Futebol Potiguar. Conheça um pouco da trajetória do América na Série B desde 1972:

Colocações

1972 – 4º colocado
1982 – 16º colocado
1984 – 19º colocado
1985 – 17º colocado
1986 – 12º colocado
1989 – 41º colocado
1991 – 24º colocado
1994 – 5º colocado
1995 – 16º colocado
1996 – 2º colocado (acesso)
1999 – 21º colocado (rebaixado) *
2000 – 21º colocado
2001 – 12º colocado
2002 – 10º colocado
2003 – 15º colocado
2004 – 19º colocado (rebaixado)
2006 – 4º colocado (acesso)
2008 – 15º colocado
2009 – 16º colocado

* houve virada de mesa, o caso Gama.

Resumo Histórico

Participações: 19
Pontos ganhos: 449
Jogos disputados: 353
Vitórias: 129
Empates: 91
Derrotas: 133
Gols pró: 463
Gols contra: 473
Saldo: -10

Os maiores artilheiros da história

26 gols: Helinho (1999/00/01/02/03/04/09)
16 gols: Paloma Potiguar (1999/2000)
15 gols: Lúcio Curió (2009)
15 gols: Max (2006/2008)
11 gols: André Leonel (2002)
11 gols: Sandro Gaúcho (2002/2003)

As maiores vitórias

2002: 6 a 1 no XV de Piracicaba, em Natal
2006: 5 a 1 no Gama, em Natal
2008: 5 a 1 mo Vila Nova, em Natal
1986: 4 a 0 no Ríver, em Teresina
1996: 4 a 0 no Moto Clube, em Natal
2000: 4 a 0 na Desportiva, em Natal
2009: 4 a 0 na Portuguesa, em Natal

As maiores derrotas

1995: 5 a 0 para a Desportiva, em Cariacica
1999: 5 a 0 para o XV de Piracicaba, em Piracicaba
2004: 5 a 0 para o Ituano, em Itu
1994: 6 a 2 para o Central, em Caruaru
2006: 5 a 1 para o Coritiba, em Curitiba
2008: 5 a 1 para o Avaí, em Natal
2009: 5 a 1 para o Ceará, em Natal
1995: 4 a 0 para o Remo, em Belém
2003: 4 a 0 para o Caxias, em Caxias do Sul-RS
2006: 4 a 0 para a Portuguesa, em São Paulo
2009: 4 a 0 para a Ponte Preta, em Campinas

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Os Confrontos de Bahia x América na Série B

No ano passado, o América sufocou o Tricolor Baiano

Na história da Série B, o América enfrentou o Bahia seis vezes. O primeiro confronto aconteceu em 1999. O Bahia venceu por 2 a 0. No ano passado, o América goleou em Natal e empatou em Salvador. Ao longo desses 11 anos de disputas, foram realizados três jogos em Natal e três em Salvador. Veja os resultados:

1999: Bahia 2x0 América
Gols: Uéslei (2)

2004: América 1x3 Bahia
Gols: Cris para o América; Neto Potiguar (2) e Robert para o Bahia

2008: América 0x1 Bahia
Gol: Fausto

2008: Bahia 3x0 América
Gols: Paulo Roberto, Rogério Rios e Elias

2009: América 4x1 Bahia
Gols: Fábio Neves, Rafael, Edson Rocha e Helinho para o América; Reinaldo Alagoano para o Bahia

2009: Bahia 3x3 América
Gols: Nael, Nádson e Marcos para o Bahia; Lúcio Curió (2) e Max para o América

Resumo de todos os jogos

Total de jogos: 06
Vitórias do Bahia: 04
Vitórias do América: 01
Diferença pro Bahia: 03
Empates: 01
Gols do Bahia: 13
Gols do América: 08
Saldo pro Bahia: 05

Principais artilheiros do Bahia

02 gols: Uéslei
02 gols: Neto Potiguar

Principal artilheiro do América

02 gols: Lúcio Curió

terça-feira, 4 de maio de 2010

Os últimos Números do Campeonato Estadual

Para finalizar a história do Estadual deste ano, eu preparei os últimos detalhes da competição que teve o ABC como campeão. Pode conferir:

Jogos e Gols

Total de jogos: 94
Total de gols: 274
Média por jogo: 2,91

Gols no primeiro tempo: 129
Gols no segundo tempo: 145

Tipo dos gols

De cabeça: 28
De pênalti: 23
De falta: 18
Gol olímpico: 03
De bicicleta: 02
De peito: 01
De rebote de pênalti: 01
Pênalti perdido: 05
Gol contra: 03

Os principais artilheiros

17 gols: João Paulo (ABC)
08 gols: Helinho (Potiguar)
07 gols: Renatinho (ABC)
07 gols: Éderson (ABC)
07 gols: Ronny (América)
07 gols: Quirino (Potyguar)
06 gols: Zé Maria (Coríntians)
06 gols: Kaká (Baraúnas)
06 gols: Felipe Moreira (Alecrim)
05 gols: Amoroso (Santa Cruz)
05 gols: Márcio Silva (Potiguar)
05 gols: Robertinho (Baraúnas)
04 gols: Gil Xavier (Coríntians)
04 gols: Adriano Magrão (América)
04 gols: Saulo (América)
04 gols: Jáckson (Santa Cruz)
04 gols: Somália (Santa Cruz)
04 gols: Canindezinho (Centenário)
04 gols: Paraíba (Baraúnas)
04 gols: Carioca (Alecrim)
04 gols: Williams (Alecrim)
04 gols: Luciano Paraíba (ASSU)
04 gols: Leandro Mineiro (ASSU)

Repetição de placar

2x1 saiu 19 vezes
1x0 saiu 16 vezes
1x1 saiu 11 vezes
2x0 saiu 10 vezes
3x2 saiu 07 vezes
3x1 saiu 06 vezes
0x0 saiu 05 vezes
2x2 saiu 05 vezes
5x0 saiu 03 vezes
4x1 saiu 02 vezes
4x0 saiu 02 vezes
3x0 saiu 02 vezes
5x1 saiu 02 vezes
4x2 saiu 01 vez
7x3 saiu 01 vez
4x3 saiu 01 vez
3x3 saiu 01 vez

Total de jogos: 94
Total de placares: 17

Renda bruta

Total de renda bruta: R$ 1.734.461,50
Jogos computados: 91
Média por jogo: R$ 19.060,00

Maiores rendas

R$ 245.100,00 (ABC 1x2 Coríntians)
R$ 183.830,00 (América 2x1 ABC)
R$ 176.670,00 (ABC 1x0 América)
R$ 86.650,00 (ABC 5x0 Potyguar)
R$ 69.750,00 (América 3x1 Coríntians)
R$ 52.450,00 (ABC 3x1 Centenário)

Menores rendas

R$ 295,00 (Baraúnas 2x0 Santa Cruz)
R$ 405,00 (Potiguar 3x2 Santa Cruz)
R$ 430,00 (Baraúnas 2x2 Alecrim)
R$ 750,00 (Potiguar 0x2 ASSU)
R$ 890,00 (ASSU 1x0 Potiguar)
R$ 894,00 (Alecrim 1x2 Potiguar)

Público pagante

Total de público: 132.098
Jogos computados: 91
Média por jogo: 1.452

Maiores públicos

15.664 pagantes (ABC 1x2 Coríntians)
11.805 pagantes (América 2x1 ABC)
11.436 pagantes (ABC 1x0 América)
5.730 pagantes (ABC 5x0 Potyguar)
4.832 pagantes (América 3x1 Coríntians)
3.580 pagantes (Potiguar 1x3 Baraúnas)

Menores públicos

35 pagantes (Baraúnas 2x0 Santa Cruz)
50 pagantes: Potiguar 3x2 Santa Cruz)
59 pagantes: Baraúnas 2x2 Alecrim)
75 pagantes: Alecrim 1x2 Potiguar)
87 pagantes: Potiguar 0x2 ASSU)
90 pagantes: Alecrim 2x3 Coríntians)

Advertências

Total de cartões amarelos: 607
Total de jogadores advertidos: 210
Jogos computados: 94
Média por jogo: 6,48

OBS: 69,31% dos jogadores que participaram da competição foram advertidos.

Resumo por clube

79 cartões: Coríntians
68 cartões: Potyguar
67 cartões: ASSU
66 cartões: Alecrim
62 cartões: América
62 cartões: Baraúnas
57 cartões: ABC
57 cartões: Santa Cruz
45 cartões: Potiguar
44 cartões: Centenário

Expulsões

Total de cartões vermelhos: 44
Total de Jogadores expulsos: 43
Jogos computados: 94
Média por jogo: 0,47

OBS: 14,19% dos jogadores que participaram da competição foram expulsos.

Resumo por clube

08 cartões: Santa Cruz
07 cartões: Alecrim
05 cartões: Baraúnas
05 cartões: ASSU
04 cartões: Coríntians
04 cartões: América
04 cartões: Centenário
03 cartões: Potiguar
03 cartões: Potyguar
01 cartão: ABC

As Curiosidades do Campeonato

João Paulo do ABC marcou o primeiro gol do Estadual deste ano, no jogo ABC 2x2 Coríntians, dia 24 de janeiro. Ele precisou de 52 segundo para inaugurar o marcador.

Ronny do América marcou o gol mais rápido deste campeonato, no jogo ASSU 0x2 América. Ele precisou de apenas 29 segundo para fazer a alegria da torcida alvirrubra.

O 100º gol foi marcado por intermédio de Leléo do Santa Cruz, no jogo Potiguar de Mossoró 3x2 Santa Cruz. Partida realizada no Estádio Edgarzão.

Já o gol de número 200, foi assinalado através de Gil Xavier do Coríntians, no jogo Alecrim 2x3 Coríntians. Partida disputada no Estádio Machadão.

O primeiro e o último gol do campeonato foram marcados no Estádio Frasqueirão. Ambos por atletas do ABC. João Paulo fez o primeiro e Édson o último.

As três maiores goleadas tiveram o mesmo placar. América 5x0 Centenário, Potyguar 0x5 Santa Cruz e ABC 5x0 Potyguar.

O escore 0 a 0 saiu cinco vezes. Quatro no Primeiro Turno e apenas uma vez no Segundo.

Os 94 jogos do campeonato tiveram 17 diferentes placares. O 2 a 1 foi que mais saiu, 19 vezes. 4 a 2, 7 a 3, 4 a 3 e 3 a 3 saíram apenas uma vez.

Os 274 gols foram marcados por 122 diferentes jogadores.

Os mandantes venceram 45 partidas.

Os visitantes venceram 27 jogos.

Houve 22 empates.

Dos 94 jogos, 32 deram prejuízo. Ou seja, a renda bruta não deu para pagar as despesas. Esse número de jogos corresponde a 34,04%, o dobro da média dos anos anteriores.

18 árbitros apitaram os jogos do Estadual. Entre os que mais arbitraram estão: Paulo Jorge Rodrigues Brandão Figueira, Lenílson de Lima, Leandro Saraiva Dantas de Oliveira, Ítalo Medeiros de Azevedo cada um apitou nove partidas.

Os árbitros mostraram 607 cartões amarelos e 44 vermelhos.

210 jogadores receberam cartão amarelo e 43 atletas foram expulsos.

Rafael Potiguar do Coríntians e Eliélton do América foram os jogadores mais vezes advertidos com o cartão amarelo. Cada um levou 10 advertências.

Tomé do ASSU foi que mais vezes foi expulso. Duas no total.

Entre os jogadores que mais atuaram estão: Leonardo e Tiago Garça do ABC; Gabriel, Deyvison e Rafael Potiguar do Coríntians; e Rodolpho do América. Cada um atuou em 20 jogos.

Três técnicos estiveram do começo ao fim do campeonato. Berg do Centenário, Paulo Jéferson do Baraúnas e Paulo Moroni do América e Santa Cruz. Berg foi o único que comandou o seu time em todos os jogos. Paulo Jéferson ficou de fora de três partidas por está suspenso e Paulo Moroni ficou de fora de uma por ter saído do América e um jogo depois passou a integrar o Santa Cruz.

ASSU e Potyguar foram os times que mais usaram jogadores. 35 no total.

América e Alecrim foram os times que menos utilizaram atletas. 25 no geral.

Ao todo, os dez times usaram 303 jogadores.

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Jogador irregular atuou no Estadual 2010


É bem verdade que o Estadual deste ano foi um sucesso. Sem aquelas delongas ou milongas de antigamente. Ainda estou analisando as súmulas dos 94 jogos. E de acordo com elas, teve jogador que atuou irregular. Isso serve de exemplo para os supervisores ficarem atentos. Jéferson Maciel da Silva, o Jéferson do Santa Cruz atuou contra o Centenário com três cartões amarelos na última rodada do 1º Turno.

Entenda o caso

24 de janeiro

Santa Cruz 1x1 Alecrim (1ª rodada do 1º Turno)

Aos 31 minutos do 1º tempo ao calçar um adversário, ele recebeu cartão amarelo. O 1º da série.

13 de fevereiro

Santa Cruz 4x2 Potyguar (6ª rodada do 1º Turno)

Aos 25 minutos do 2º tempo ao cometer conduta anti-desportiva, ele recebeu cartão amarelo. O 2º da série.

21 de fevereiro

Potiguar 3x2 Santa Cruz (8ª rodada do 1º Turno)

Aos 45 minutos do 2º tempo ao calçar um adversário, ele recebeu cartão amarelo. O 3º da série.

Portanto, de acordo com o Regulamento da competição, ele estaria suspenso do próximo jogo.

28 de fevereiro

Santa Cruz 2x0 Centenário (9ª rodada do 1º Turno)

Ele atuou normalmente e ninguém à época percebeu isso.

Jogador irregular atuou no Estadual 2010


É bem verdade que o Estadual deste ano foi um sucesso. Sem aquelas delongas ou milongas de antigamente. Ainda estou analisando as súmulas dos 94 jogos. E de acordo com elas, teve jogador que atuou irregular. Isso serve de exemplo para os supervisores ficarem atentos. Jéferson Maciel da Silva, o Jéferson do Santa Cruz atuou contra o Centenário com três cartões amarelos na última rodada do 1º Turno.

Entenda o caso

24 de janeiro

Santa Cruz 1x1 Alecrim (1ª rodada do 1º Turno)

Aos 31 minutos do 1º tempo ao calçar um adversário, ele recebeu cartão amarelo. O 1º da série.

13 de fevereiro

Santa Cruz 4x2 Potyguar (6ª rodada do 1º Turno)

Aos 25 minutos do 2º tempo ao cometer conduta anti-desportiva, ele recebeu cartão amarelo. O 2º da série.

21 de fevereiro

Potiguar 3x2 Santa Cruz (8ª rodada do 1º Turno)

Aos 45 minutos do 2º tempo ao calçar um adversário, ele recebeu cartão amarelo. O 3º da série.

Portanto, de acordo com o Regulamento da competição, ele estaria suspenso do próximo jogo.

28 de fevereiro

Santa Cruz 2x0 Centenário (9ª rodada do 1º Turno)

Ele atuou normalmente e ninguém à época percebeu isso.

domingo, 2 de maio de 2010

Dez ABC x América de fazer inveja, em 1976

ABC campeão com 90% de aproveitamento

Ontem, aconteceu mais um clássico entre ABC e América no estádio Machadão. O ABC venceu por 1 a 0, gol de Éderson. Foi um bom jogo. Talvez o último nesse estádio. Espero que não.

Mas, o assunto aqui é outro. Eu selecionei os dez jogos que foram realizados em 1976, o ano que o clássico tem a maior média de público. Era casa cheia toda vez. As partidas foram válidas pelo Estadual, Taça Cidade do Natal, Série A, Torneio José Américo e um amistoso. A média de público é de quase 30 mil torcedores por jogo. Uma média de fazer inveja a qualquer clássico deste país. Veja a relação dos jogos e os públicos de 1976:

22/02/1976: ABC 1x0 América – 43.154 pagantes
09/05/1976: ABC 3x0 América – 49.081 pagantes
04/07/1976: ABC 1x2 América – 50.486 pagantes
25/07/1976: ABC 0x0 América – 37.311 pagantes
15/08/1976: ABC 1x0 América – 9.965 pagantes
18/08/1976: ABC 0x0 América – 31.310 pagantes
07/09/1976: ABC 1x3 América – 22.621 pagantes
31/10/1976: ABC 1x2 América – 11.948 pagantes
21/11/1976: ABC 2x1 América – 12.661 pagantes
15/12/1976: ABC 1x1 América – 19.300 pagantes

Resumo de público

Total: 287.837
Jogos: 10
Média: 28.784 pagantes por jogo.

sábado, 1 de maio de 2010

Amistosos entre ABC x América no Machadão

ABC e América disputam mais um amistoso no Machadão

ABC e América já disputaram 16 jogos amistosos no estádio de Lagoa Nova. Desde a inauguração em 04 de junho de 1972 que os dois maiores clubes de futebol do estado se enfrentam amistosamente. A vantagem pertence ao ABC que venceu sete vezes contra cinco do rival.

O primeiro amistoso foi na inauguração do estádio em 1972, a época, chamado de Castelão. O ABC venceu de 1 a 0. Gol de William aos 20 minutos do primeiro tempo. O último amistoso entre os dois realizado no Machadão aconteceu no ano passado. O ABC venceu por 1 a 0, gol de Ricardinho. Veja todos os resultados dos amistosos entre ambos no Castelão/Machadão:

04/06/1972: ABC 1x0 América
20/08/1972: ABC 3x2 América
31/10/1976: ABC 1x2 América
01/04/1979: ABC 0x1 América
16/12/1979: ABC 2x0 América
10/02/1980: ABC 2x0 América
01/05/1980: ABC 1x1 América
08/02/1981: ABC 1x1 América
01/05/1981: ABC 3x0 América
25/01/1984: ABC 3x1 América
15/07/1990: ABC 0x1 América
18/07/1990: ABC 1x2 América
28/06/1992: ABC 0x0 América
26/01/1997: ABC 0x1 América
05/08/2001: ABC 0x0 América
01/05/2009: ABC 1x0 América

Resumo

Total de jogos: 16
Vitórias do ABC: 07
Vitórias do América: 05
Empates: 04
Gols do ABC: 19
Gols do América: 12
Saldo pro ABC: 07

Principais artilheiros do ABC

02 gols: Gonzaga
02 gols: Juarez

Principal artilheiro do América

02 gols: Bagadão

Resumo de público

Total de público: 115.046
Jogos computados: 12
Média por jogo: 9.587