segunda-feira, 24 de outubro de 2016

América de Natal e as maiores derrotas


O América de Natal participa de competições nacionais desde 1968. Ao todo o Alvirrubro Potiguar já disputou algo em torno de 1.100 jogos.

Ao longo desses quase 50 anos de disputas, o time norte-rio-grandense sofreu várias goleadas. Sendo a maior de todas para o Vitória da Bahia, em 1980, 8 a 1 para os baianos.

O pesquisador do Futebol Potiguar, Marcos Trindade, copilou as maiores goleadas sofridas pelo o América em competições nacionais:

1980 – Vitória-BA 8x1 América (Série A)
1989 – Atlético-MG 7x0 América (Copa do Brasil)
1977 – Atlético-MG 6x0 América (Série A)
1973 – América 1x6 Santos (Série A)
1998 – São Paulo 6x1 América (Série A)
1995 – Desportiva 5x0 América (Série B)
1999 – XV de Piracicaba 5x0 América (Série B)
2004 – Ituano 5x0 América (Série B)
2010 – América 0x5 Sport (Série B)
2010 – Bragantino 5x0 América (Série B)

P.S: Foi adotado o critério de goleadas com diferença igual ou superior a cinco gols.

3 comentários:

  1. Marcão,sinceramente eu não vejo outra justificativa prá voce estar postando goleadas sofridas pelo AMÉRICA,se quem protagonizou uma das maiores vergonhas do futebol potiguar ontem foi o abC!
    È prá compensar?
    Ou desviar o foco da goleada sofrida ontem?
    Porque voce não posta as goleadas sofridas pelo abC?
    O que tem o América a ver com o episódio de ontem?
    Totalmente dispensável essa postagem amigo,com todo respeito ao seu trabalho!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bráulio;

      As goleadas do ABC de 5 a 0 e de 6 a 1 e agora a de 6 a 0 foram todas postadas aqui, dias atrás.

      Essas do América, foram a pedidos e já havia postado em 2010, quando o América sofreu um 5 a 0 para o Sport no Machadão.

      Não vejo nada de mais. É uma forma de mostrar o outro lado. E entendo que o América enfrento ao longo dos tempos times mais fortes. Diferente do ABC, que esteve em séries inferiores mais tempo.

      Se fosse o contrário, o número de goleadas sofridas pelo ABC seria bem maior.

      Abraço, amigo. MT.

      Excluir